Voltando a falar sobre elegância e etiqueta

Oi amores, tudo bem com vocês?

Como percebi que esse assunto atrai muito a atenção de vocês então decidi fazer uma série de posts sobre esse assunto, serão vários assuntos que servirão para várias situações e lugares, independente de posição social. E se vocês quiserem farei videos demonstrando algumas situações, montando mesas para um café, chá, almoço ou jantar.

Então vamos lá!

A gente sabe que existe uma regra de etiqueta pra tudo quanto é situação, mas, é claro também que a gente não vai ser aquela pessoa paranoica, que não vive se não for para manter a etiqueta a aparência de pessoa 100% moldada, isso seria muito chato, mas claro que também não vamos chutar o pau da barraca e viver como se não tivéssemos um pingo de bom senso e não soubéssemos nos portar em quaisquer tipos de ambientes e situações.

E é para te ajudar a identificar essas determinadas situações que estou aqui, afinal, apesar de ser de classe baixa tenho uma madrinha que casou e conviveu por um longo período com pessoas de classe média e média alta, e acabou sempre me ensinando e pegando muito no meu pé para que eu aprendesse a me portar bem em qualquer situação, então, aqui não será só aquelas regras massantes de como se portar a mesa, mas também regras básicas de como conviver e se “auto-promover” (se é que posso dizer assim) afinal, até mesmo no trabalho, ou para conseguir aquela chance de fazer um bom network do seu negócio existe algumas regrinhas básicas.

Você sabia que perdemos oportunidades, muitas vezes únicas porque não sabemos nos portar, ou chegamos de maneira inadequada? Pois é, isso acontece muito e até mesmo comigo, porque mesmo sabendo dessas regrinhas tem uma coisa que atrapalha muito, principalmente na hora de fazer seu network, sabe o que é? A timidez, e como eu sei que nós blogueiras e empreendedora querendo ou não precisamos fazer essa apresentação constantemente, mas calma estou aqui pra ajudar, porque além das regrinhas básicas de etiqueta, aprendi uma coisa que pelo menos comigo tem funcionado e já vou deixar essa informação aqui.

1- Se você tem vontade que isso seja sua profissão, não tem outro jeito você tem que enfrentar o medo e a timidez , e falar com as pessoas do seu trabalho, afinal, ninguém chega a lugar nenhum escondido no quarto de casa.

2- Pense sempre no seguinte, o NÃO você já tem, e a única chance de conseguir o sim é se apresentando e apresentando seu trabalho e/ou seu interesse.

3- Tenha um “mini roteiro” gravado na sua cabeça, não que você precise ser robótica, mas você ter mais ou menos gravado na mente o que você precisa falar já ajuda muito. Vou dar um exemplo pra entregar um cartão de visita pra alguém que você quer que conheça seu trabalho e talvez possa possa investir nele (fazer o network) :

” Bom Dia/Tarde/Noite, tudo bem? meu nome é —- , sou dona do blog/canal —— , gosto/gostei da sua empresa, gostaria de deixar meu cartão com você, pra você conhecer meu trabalho, posso?”

Entrega o cartão e agradece.

É só um exemplo ok?! Faça da forma que ficar mais fácil pra você.

Bom mas vou falar mais sobre isso num próximo post com as regras de etiqueta, mas não se preocupem será de uma forma bem simples, pra não ficar chato e pra você entender que bons modos, elegância e regras de etiqueta é pra todos e para qualquer lugar, não só num restaurante, mas na vida é sempre bom estar acompanhada de pessoas preparadas pra quaisquer situação.

 

 

Se você gostou da ideia, compartilha com os amigos, deixa seu comentário quero saber sua opinião.

Um beijo, fiquem com Deus e até a próxima!

Deixe uma resposta